Dicas para poupar na eletricidade‏

Poupar na eletricidade é uma medida que se pode revelar extremamente benéfica, não só para o seu bolso, como também para o planeta. Ainda que seja um recurso indispensável na vida de qualquer pessoa, a utilização inadequada do mesmo constitui um erro bastante frequente, que acaba sempre por contribuir para dificultar a situação financeira de muitas famílias. Felizmente, contornar este problema e poupar na electricidade é uma tarefa bastante simples, bastando, para isso, seguir algumas regras essenciais.
Eis algumas dicas importantes para poupar eficazmente na eletricidade:

Desligue sempre as luzes
Comece a habituar-se a desligar as luzes sempre que sai de uma divisão. Se passará as próximas horas na sala, não há necessidade absolutamente nenhuma para a luz da cozinha ficar acesa. Por mais lógico que isto pareça, há muitas pessoas que não seguem esta regra tão óbvia, o que acaba sempre por resultar em contas elevadas de eletricidade.

Utilize um regulador de intensidade
Apesar de não ser mesmo necessário, caso saiba como reduzir eficazmente a utilização de eletricidade, um regulador de intensidade pode sempre revelar-se uma boa ajuda na redução dos gastos totais com a luz, pelo que, é altamente recomendado.

Utilize lâmpadas de baixo consumo
Ainda que consideravelmente mais caras do que as lâmpadas “normais”, as lâmpadas de baixo consumo tendem a revelar-se muito mais duradouras e a consumirem muito menos eletricidade, o que, ao fim do ano, acabará por ajudar a poupar quantias bastante expressivas de dinheiro.

Habitue-se a desligar os aparelhos
Sempre que um aparelho não esteja a ser utilizado, deverá ser desligado. Televisões, consolas de jogos, impressoras, scanners, etc. Qualquer que seja o aparelho, deverá apenas estar ligado durante a sua utilização. Recomenda-se, também, que os desligue das tomadas, de modo a optimizar ao máximo a poupança de energia.

Mantenha os frigoríficos bem localizados
Frigoríficos e arcas congeladoras deverão sempre ser mantidos o mais longe possível de portas, janelas e fogões, de modo a evitar gastos desnecessários de energia originados pelo contraste de temperaturas, que obrigarão os frigoríficos a trabalhar de forma mais intensa.

Cuidado com as temperaturas da máquina de lavar
Escolher corretamente a temperatura da água no momento de lavar a sua roupa, bem como a sua loiça, poderá ajudá-lo a poupar mais de 40% de eletricidade. Sempre que viável, opte por lavar a sua roupa a 30 graus, ou mesmo com água fria, o que para certas peças de roupa até poderá revelar-se bastante benéfico, como é o caso da roupa escura. Temperaturas mais elevadas deverão ser utilizadas apenas quando for mesmo necessário.