Saiba como deixar pacificamente o emprego

Há diversas formas de deixar o seu emprego pacificamente. Quando um trabalhador se demite, o ambiente que se gera em torno da situação nem sempre é a melhor. Por isso, convém saber o que fazer ou dizer para que a sua decisão não se torne conflituosa. Afinal, nunca se sabe se vai voltar a trabalhar com o mesmo patrão e os mesmos colegas. Veja abaixo algumas dicas sobre o que pode fazer:

Avise com antecedência – Legalmente, existem prazos para entregar o seu pedido de demissão. Cumpra-os. E não se esqueça que o seu patrão também precisa de tempo para o substituir e redistribuir tarefas entre os restantes colaboradores.

Evite falar sobre a sua decisão – Até ter resposta da entidade empregadora, evite falar sobre o assunto com os restantes colegas. Este é um assunto que deve ficar, numa primeira fase, entre as duas partes. Afinal, nunca se sabe se pode surgir uma contraproposta que o faça recuar na sua decisão.

Elabore uma carta de demissão cordial – Evite confrontos na sua carta de demissão. Mesmo que aponte os motivos que levam à sua saída, opte por um discurso optimista e fale sobre as mais-valias que a empresa lhe proporcionou.

Fale com o seu patrão – Mesmo que tenha feito o pedido de demissão formal. Vá ter com o seu chefe e comunique-lhe a sua decisão. Explique-lhe também os motivos que levam à sua saída, sem nunca falar num possível descontentamento. Faça o mesmo na hora de comunicar a sua decisão aos seus colegas.

Organize o seu local de trabalho – Antes de sair, acabe as tarefas que tem em mãos, organize e limpe os seus ficheiros, secretária e gavetas.

Sorria e agradeça – No momento da despedida, cumprimente e agradeça aos seus superiores por tudo sem nunca abdicar de sorriso na cara.

Em suma, deixar pacificamente o emprego passa por ser o mais profissional possível. Não deixe que dissabores marquem a sua saída da empresa, porque nunca se sabe se as portas que se fecham agora, abram num futuro próximo.